Veja o resumo com tudo de mais relevante que aconteceu nesta semana no mercado.

A semana foi mais curta no mercado financeiro, com feriado do Dia do Trabalho nos EUA (6/9) e Independência do Brasil (7/9). Ainda assim, a volatilidade se destacou no mercado brasileiro, com investidores acompanhando os protestos de 7 de setembro e o tom do discurso do presidente Bolsonaro contra ministros do STF em Brasília e São Paulo.

O índice Ibovespa, que caiu quase 4% na quarta-feira, se recuperou na quinta-feira após o almoço entre Temer e Bolsonaro, em que foi divulgada uma nota oficial, apaziguando o cenário de conflitos entre o presidente e o STF, principalmente com Alexandre de Moraes. 

No cenário internacional, mercado ainda segue atento com o Fed e diminuição nos estímulos monetários. Apesar de todos os dados divulgados, ainda há bastante incerteza de quando irá começar. 

Na Europa, acompanhamos algumas notícias do Banco Central Europeu sobre manter a política monetária inalterada e desaceleração do programa emergencial pandêmico de compra de títulos (PEPP). 

Já na Ásia, acompanhamos as atualizações referentes às regulações chinesas, dessa vez com as empresas de videogames. Além disso, segundo a Casa Branca, Biden e Xi "tiveram uma ampla e estratégica discussão em que trataram de áreas em que nossos interesses convergem, e áreas em que nossos interesses, valores e perspectivas divergem".

Carteira Semanal

Em 12 Meses, a Carteira apresenta uma valorização de 42,37% ante o Ibovespa com alta de 13,89%.
Post_recomendação_Semanal_10_09Notícias importantes da semana

  • Rodrigo Pacheco cancelou sua agenda da semana por não ter “clima” para votações de pautas do governo, como Reforma do IR.

  • Questões da inflação preocupam o Banco Central, uma vez que há expectativas de inflação elevada inclusive para 2022. Porém, Roberto Campos Neto disse que Banco Central prevê uma inflação de 6,5% para este ano e 3,5% para o ano que vem.

  • Após almoço com ex-presidente Temer, Bolsonaro soltou uma nota defendendo a harmonia entre os poderes, além de elogiar “as qualidades como jurista e professor” do ministro Alexandre de Moraes do STF, apesar de reforçar ter discordâncias com as decisões do magistrado.

  • O vice-presidente da Câmara, Marcelo Ramos, apresentou uma PEC que manteria dentro do teto de gastos o valor dos precatórios pagos em 2016, ajustado pela inflação, os restantes ficariam fora do teto, mas liberaria R$ 20 bilhões para novos gastos em 2022.

     

  • Foi enviado à CPI da Covid um requerimento para convocar Ana Cristina Siqueira Valle, ex-mulher do presidente Bolsonaro, para prestar depoimento por suposta atuação favorável à lobista em órgãos públicos.

     

  • Anvisa determinou a interdição cautelar de lotes da CoronaVac por distribuição e uso dos produtos envasados em planta não aprovada na autorização de uso emergencial.

  • Anvisa iniciou os procedimentos internos para eventual inspeção presencial de unidade do laboratório Sinovac na China, responsável pelo envase de 12,1 milhões de doses da vacina CoronaVac que tiveram o uso proibido pela agência.

  • Bolsonaro foi multado pela sétima vez em São Paulo por não usar máscara, além de já ter sido multado por estímulo e envolvimento em ações de risco à saúde pública.

     

  • Iniciativa Covax deve receber menos doses de vacinas previstas dos doadores. Anteriormente o recebimento era estimado em 2 bilhões, agora caiu para 1,425 bilhão de doses.

Quer receber a Carteira em seu e-mail?

Para receber a carteira semanal e outras carteiras recomendadas em primeira mão, abra sua conta na Terra Investimentos sem nenhum custo. Para saber como funciona a Carteira Semanal, aqui neste link tem mais informações. Se tiver alguma dúvida, é só escrever nos comentários. Conte conosco!

#VamosJuntos

Disclaimer

  • Rentabilidade obtida no passado não representa garantia de resultados futuros.
  • A rentabilidade divulgada não é líquida de impostos.
  • O investimento em ações não é garantido pelo FGC (Fundo Garantidor de Crédito).


Graduado em Estatística pela Unesp (Universidade Estadual Paulista), Régis Chinchila é Analista de Investimentos da Terra desde 2015, sendo responsável por diversas Carteiras Recomendadas (entre elas, a famosa Carteira Semanal de Ações). Atua no mercado financeiro desde 2001 com experiência profissional em consultorias financeiras e corretoras de valores. Possui certificação CNPI desde 2005 pela APIMEC/CVM.

Comentários

Posts Relacionados

Terra Investimentos

Sobre a Terra Investimentos

Com duas décadas de história, a Terra Investimentos conquistou a liderança no mercado agro e expandiu sua atuação no mercado financeiro e de capitais.

Atuamos na intermediação, negociação, originação e distribuição de produtos de renda fixa, renda variável, títulos públicos e privados, fundos de investimentos, derivativos, serviços fiduciários, assessoria de investimento, câmbio, seguros e previdência, HFT (High Frequency Trading), entre outros voltados a pessoas físicas e clientes institucionais.