Ativo entrou no lugar de Itausa (ITSA4), que atingiu objetivo. Confira carteira vigente a partir de 11/06.

A semana no cenário nacional mostrou um Ibovespa mais lateral aos 130 mil pontos.

Tivemos dados do IPCA acima do esperado, levando a inflação para 8,06% no acumulado nos 12 meses. Isto leva investidores a ficarem de olho na reunião do Copom, que acontece semana que vem, com alta prevista de 0,75 p.p., além de possíveis novas altas até o final do ano.

O cenário do Brasil segue bastante politizado com reformas, privatizações e CPI da Covid.

No cenário internacional, foi divulgada a inflação na Europa e nos Estados Unidos, porém os dados não abalaram o mercado, que continuou em alta, com S&P 500 atingindo novo recorde na quinta-feira. A reunião do G7 fica no radar com questões de vacina e impostos. Além disso, na próxima semana, teremos decisão do FED e atualização das projeções.

Alteração na Carteira

Na carteira vigente a partir desta sexta-feira (11/6), fizemos uma troca estratégica: saiu Itausa (ITSA4), que atingiu seu objetivo, e entrou Fleury (FLRY3).

Em 12 meses, a Carteira Semanal de Ações TOP5 Terra apresenta valorização de 81,56%* ante o Ibovespa com alta de 37,38%. Post_Recomendação_11-06.pngNotícias importantes da semana

  •  MP da Eletrobras deverá ter o texto votado na semana que vem. Enquanto isso, sindicato organiza greve de 72h contra a privatização.

  • Ministério da Saúde informou que terá adiantamento de 3 milhões de doses da Janssen para junho. Validade das vacinas vai até 27/6.

  • Anvisa aprovou importação das vacinas russa Sputnik V e indiana Covaxin em caráter excepcional, com uma série de limitações.

  • Na crise hídrica, foi enviada uma nota técnica informando que ao menos oito grandes usinas hidrelétricas da região Sudeste devem ficar com os reservatórios perto do colapso total até 30 de novembro.

  • Governo Federal deverá prorrogar o auxílio emergencial em mais 2 meses, indo até setembro com os mesmos valores pagos atualmente. Para isso, será feito um crédito extraordinário de aproximadamente R$ 12 bilhões que ficará fora do teto de gastos. Guedes falou sobre o auxílio emergencial, que deve continuar enquanto a pandemia persistir.

  • Reportagem mostrou que o Governo Federal recusou 70 milhões de doses da Pfizer em agosto de 2020, ignorando mais de 53 e-mails que ofereciam doses da vacina.

  • Reunião do Copom entra no radar com divulgação do IPCA e questões de possível crise hídrica nos próximos meses.

  • Documento enviado à CPI mostra que após ataques do Presidente à China, em maio, a SinoVac cobrou mudanças na posição do governo como condição para o envio de insumos para produção da vacina CoronaVac.

  • Na reforma administrativa, foi instalada a Comissão Especial, embora reforma encontre alguns obstáculos e possa ficar apenas para após as eleições.

  • Dória (SP) antecipou o calendário de vacinação de toda população adulta de São Paulo para 18/10.

  • A Anvisa autorizou o início da realização de pesquisa clínica da vacina Butanvac, do Instituto Butantan, para Covid-19.

  • Bolsonaro disse que Queiroga estava preparando um parecer para desobrigar pessoas vacinadas e já contaminadas de usar máscara.

  • O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, confirmou ter recebido o pedido do presidente Jair Bolsonaro para que seja produzido um estudo avaliando a possibilidade de flexibilização do uso de máscaras no país.

  • CPI da Covid conseguiu a quebra de sigilo dos ex-ministros Pazuello e Ernesto Araújo e do assessor especial da Presidência, Filipe Martins.

  • Anvisa aprovou uso emergencial da Pfizer em adolescentes acima de 12 anos.

Quer receber a Carteira em seu e-mail?

Para receber a carteira semanal e outras carteiras recomendadas em primeira mão, abra sua conta na Terra Investimentos sem nenhum custo. Para saber como funciona a Carteira Semanal, aqui neste link tem mais informações. Se tiver alguma dúvida, é só escrever nos comentários. Conte conosco!

#VamosJuntos

Disclaimer

  • Rentabilidade obtida no passado não representa garantia de resultados futuros.
  • A rentabilidade divulgada não é líquida de impostos.
  • O investimento em ações não é garantido pelo FGC (Fundo Garantidor de Crédito).


Graduado em Estatística pela Unesp (Universidade Estadual Paulista), Régis Chinchila é Analista de Investimentos da Terra desde 2015, sendo responsável por diversas Carteiras Recomendadas (entre elas, a famosa Carteira Semanal de Ações). Atua no mercado financeiro desde 2001 com experiência profissional em consultorias financeiras e corretoras de valores. Possui certificação CNPI desde 2005 pela APIMEC/CVM.

Comentários

Posts Relacionados

Terra Investimentos

Sobre a Terra Investimentos

Com duas décadas de história, a Terra Investimentos conquistou a liderança no mercado agro e expandiu sua atuação no mercado financeiro e de capitais.

Atuamos na intermediação, negociação, originação e distribuição de produtos de renda fixa, renda variável, títulos públicos e privados, fundos de investimentos, derivativos, serviços fiduciários, assessoria de investimento, câmbio, seguros e previdência, HFT (High Frequency Trading), entre outros voltados a pessoas físicas e clientes institucionais.