Veja o resumo com tudo de mais relevante que aconteceu nesta semana no mercado.

O Ibovespa na semana registrou forte baixa, testando o patamar de 115 mil pontos. No Brasil, o cenário foi marcado por diversas questões políticas e econômicas que seguem bastante indefinidas, como a PEC dos precatórios, reforma do IR, projeto de Lei Orçamentária Anual de 2022, fundo eleitoral de R$ 5,7 bilhões, ameaças de impeachment por Bolsonaro aos ministros do STF e continuação dos atritos entre Bolsonaro e o TSE com questões referentes ao voto impresso. 

No cenário internacional, mercado repercute as decisões do Fed em provavelmente diminuir os estímulos monetários ainda este ano. Além disso, outros pontos de destaque são os novos casos com a variante Delta, a tomada de Cabul pelo Talibã no início da semana, questões regulatórias na China e mercado automobilístico asiático reduzindo níveis de produção a partir do próximo mês.

Carteira Semanal

Em 12 Meses, a Carteira apresenta uma valorização de 45,07% ante o Ibovespa com alta de 16,17%.
Post_Recomendação_20-08.pngNotícias importantes da semana

  • Continua no radar a PEC dos precatórios, ponto crucial para a implementação do programa Auxílio Brasil (novo Bolsa Família).

  • Foi aberta investigação sobre o uso da TV pública por Bolsonaro para transmitir live em que fez críticas à urna eletrônica. Isto pode ser configurado como crime “de natureza eleitoral, utilização ilegal de bens públicos e atentados contra a independência de poderes da República”.

  • Sobre os pedidos de impeachment do presidente ao STF, Bolsonaro enviou mensagens convocando ministros, amigos e apoiadores para um ato de “último aviso” ao Judiciário e ao Congresso. Eventos no dia 7 de setembro estão sendo organizados em apoio ao voto impresso, à destituição dos ministros do Supremo Tribunal Federal e às ameaças de golpe de Estado.

  • A partir do dia 17, as medidas de restrição terminaram na cidade de São Paulo, permanecendo apenas o uso obrigatório de máscaras.

     

  • Votação do projeto de mudanças no imposto de renda foi adiada mais uma vez pela Câmara dos Deputados por não entrarem em acordo com a taxação de dividendos em 20%, defendendo o escalonamento no lugar.

  • Em entrevista, Roberto Campos Neto falou sobre as reformas e PECs para contornar o orçamento e disse que o governo deveria passar mensagem mais forte a respeito do cenário fiscal do país.

  • O ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional falou sobre as tensões entre os poderes provocadas por Bolsonaro e disse que pode haver uma intervenção das Forças Armadas no país “num caso muito grave”.

  • Rodrigo Pacheco informou que solicitou ao presidente do STF, Luiz Fux, a retomada da reunião entre os chefes dos Poderes, uma vez que o radicalismo e extremismo podem acabar derrotando a democracia.

     

  • Anvisa decidiu por unanimidade não autorizar o uso da vacina contra Covid-19 CoronaVac em crianças e adolescentes de 3 a 17 anos por considerar o número de participantes nos testes insuficiente.

     

  • Anvisa também pediu ao Programa Nacional de Imunização para que seja considerada a aplicação de uma terceira dose da CoronaVac, em caráter experimental para pacientes com comorbidades ou idosos.

     

  • Comissão Mista de Orçamento afirmou que a conta dos precatórios inviabiliza financiamento de terceira dose contra Covid.

  • Corregedor do TSE, ministro Luiz Felipe Salomão, ordenou que as plataformas de mídias sociais suspendam o pagamento por anúncios de 11 páginas acusadas de publicar notícias falsas e ataques ao sistema eleitoral brasileiro.

Quer receber a Carteira em seu e-mail?

Para receber a carteira semanal e outras carteiras recomendadas em primeira mão, abra sua conta na Terra Investimentos sem nenhum custo. Para saber como funciona a Carteira Semanal, aqui neste link tem mais informações. Se tiver alguma dúvida, é só escrever nos comentários. Conte conosco!

#VamosJuntos

Disclaimer

  • Rentabilidade obtida no passado não representa garantia de resultados futuros.
  • A rentabilidade divulgada não é líquida de impostos.
  • O investimento em ações não é garantido pelo FGC (Fundo Garantidor de Crédito).


Graduado em Estatística pela Unesp (Universidade Estadual Paulista), Régis Chinchila é Analista de Investimentos da Terra desde 2015, sendo responsável por diversas Carteiras Recomendadas (entre elas, a famosa Carteira Semanal de Ações). Atua no mercado financeiro desde 2001 com experiência profissional em consultorias financeiras e corretoras de valores. Possui certificação CNPI desde 2005 pela APIMEC/CVM.

Comentários

Posts Relacionados

Terra Investimentos

Sobre a Terra Investimentos

Com duas décadas de história, a Terra Investimentos conquistou a liderança no mercado agro e expandiu sua atuação no mercado financeiro e de capitais.

Atuamos na intermediação, negociação, originação e distribuição de produtos de renda fixa, renda variável, títulos públicos e privados, fundos de investimentos, derivativos, serviços fiduciários, assessoria de investimento, câmbio, seguros e previdência, HFT (High Frequency Trading), entre outros voltados a pessoas físicas e clientes institucionais.