Blog

Blog >> Planejamento Financeiro: conheça os diferentes modelos

Planejamento Financeiro: conheça os diferentes modelos

Seja no âmbito pessoal, familiar ou empresarial, planejar sua vida financeira vai te levar muito mais longe!

O planejamento financeiro é uma ferramenta que pode ajudar o brasileiro a colocar as receitas e despesas em ordem.

O recurso se faz importante justamente porque está entre os primeiros passos na tarefa de auto-organização.

Entretanto, existem modelos de planejamento financeiro que você deve conhecer para saber qual melhor se aplica à sua condição.

Assim, podemos elencar o planejamento pessoal, o familiar e o empresarial. Nesse artigo, a Terra Investimentos vai detalhar cada um dos tipos para você escolher o melhor.

Planejamento financeiro pessoal

O planejamento financeiro pessoal está na primeira posição no ranking da auto-organização e ele deveria começar cedo, por meio de orientação dos pais e da escola. Mas a realidade brasileira está longe disso.

De forma sucinta, o planejamento financeiro pessoal consiste, basicamente, em saber quanto se ganha e, assim, quanto se pode gastar.

Esse é o “bê-á-bá” da educação financeira, conforme explicamos em outro artigo no blog da Terra Investimentos, e diz respeito às entradas e saídas financeiras, que devem ser anotadas para um melhor controle.

Planejamento financeiro familiar

Já o planejamento financeiro familiar leva em consideração outros membros da família que residam na mesma casa ou não. Isso torna a anotação, bem como a soma, variável.

Por exemplo, se na sua planilha há um familiar com mais idade, cujos cuidados estejam a seu cargo, haverá mais elementos a serem considerados nas anotações, como cuidados médicos, farmacêuticos e outros relacionados. E isso varia.

O mesmo vale para os filhos, pois estes apresentam custos diferentes a depender das várias fases da vida: bebê, criança, adolescente e jovem adulto (antes da maturidade legal).

Muitas famílias estão com as finanças comprometidas justamente porque não conseguem ter um planejamento financeiro familiar preciso.

Planejamento financeiro empresarial

O planejamento financeiro empresarial, por sua vez, diz respeito ao empreendimento, seja ele um negócio consolidado ou um plano de ação para colocar sua empresa na praça, seja ela um comércio, uma prestadora de serviços, fabricante ou produtora de algum produto específico.

Muitos empresários passam anos injetando recursos na empresa, porque na fase inicial do empreendimento menosprezaram o planejamento financeiro que, quando bem-feito, mostra os gargalos da companhia e onde se pode melhorar o custo operacional.

Isso porque quem se torna um bom planejador financeiro aprende a ser um bom “eliminador de excessos”, pois é justamente isso que uma boa planilha mostra: os supérfluos e os itens mais dispensáveis em uma lista de insumos empresariais.

Receita variável e despesas complexas

Cabe ressaltar que o planejamento financeiro empresarial leva em consideração receita variável e despesas complexas.

Os insumos, por exemplo, são todos os itens necessários ao desempenho da companhia, e o planejamento pode mostrar o que é dispensável. Com ele, o empreendedor pode chegar à conclusão de que ter telefone fixo e celular é algo supérfluo.

Acontece que o mundo está cada vez mais digitalizado e, talvez, um bom smartphone supra a questão de contato, já que a companhia dispõe, agora, de outros mecanismos como aplicativos, formulário de e-mails, skype e apps de celular.

Outro exemplo de despesa complexa diz respeito à frota de carros da empresa. Já não é mais tão necessário comprar automóveis, visto que inúmeras fabricantes e revendas colocam à disposição de sua clientela planos de assinatura corporativa que contemplam a renovação dos bens.

Reserva de emergência e investimentos

Independentemente do modelo de planejamento escolhido, existem dois movimentos super importantes que devem estar no seu radar. Trata-se da reserva de emergência e dos investimentos.

A primeira razão pela qual você precisa do planejamento financeiro é conhecer profundamente as entradas e saídas (receitas e despesas). A segunda é cortar os supérfluos de maneira a fazer sobrar dinheiro ao final do mês para, assim, montar uma reserva de emergência.

A terceira razão diz respeito à aplicação de parte dos recursos em investimentos, visando a diversificação do patrimônio em renda fixa e, no caso de investidores arrojados, também renda variável.

Muita gente deixa 100% de seus recursos na conta corrente, julgando com isso que se trata de uma reserva ou investimento, quando, na verdade, o dinheiro está ao alcance das mãos e isso pode ser tentador diante de uma viagem, um recesso ou um desejo imediato.

Ou seja, as aplicações devem estar protegidas, primeiramente, de você mesmo para, assim, seu investimento rentabilizar ao longo do tempo e você poder atingir seus objetivos no futuro.

Conheça e controle seu passivo

O passivo, em contabilidade, se refere ao saldo das obrigações devidas, ou seja, são todos os custos em caso de empresas e negócios, ou despesas, em caso de pessoa ou família.

Quando você conhece seu passivo, passa a ter controle sobre ele. Desta forma, tem poder de quitar ou fazer os ajustes devidos na hora certa e, assim, proporcionar um alinhamento nas próprias contas.

Já o desconhecimento pode descambar para o descontrole e isto, por sua vez, pode resultar em falência ou recuperação judicial ou processos similares decorrentes de má gestão.

Terra Investimentos

A Terra é uma das principais casas de investimentos independentes do país e conta com uma equipe de assessores à sua disposição para esclarecer todas as suas dúvidas sobre aplicações para os mais variados fins, desde renda fixa para reserva de emergência até renda variável para investimentos mais arrojados.

Além disso, a Terra conta com um canal no YouTube onde analisa cenários e ajuda na educação financeira de seus espectadores. Também dispõe de um perfil no Telegram onde compartilha as principais notícias do momento diariamente.

Vale muito a pena acompanhar, porque, na era da informação, conhecimento é um ativo precioso para quem quer investir com propriedade e fazer o dinheiro render. 

Abrindo sua conta gratuita na Terra Investimentos, você passa a ter acesso à inteligência de mercado dos nossos especialistas por meio de uma série de relatórios preparados pela equipe de Análise, inclusive conteúdos exclusivos para quem tem interesse em investir na Bolsa.

Você só tem a ganhar ao abrir sua conta na Terra!

#VamosJuntos

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

Deixe um comentário

Blog Terra Investimentos

Posts Relacionados