Veja o resumo com tudo de mais relevante que aconteceu nesta semana no mercado.

A semana no Brasil foi marcada por diversas notícias a respeito de vacinação, voto impresso e mudança nos ministérios, mesmo com Congresso e CPI da Covid em recesso. 

No tema vacinação, questões de propina continuam no radar, assim como possível terceira dose a partir de janeiro do próximo ano. Além disso, teremos na semana que vem mudanças no Ministério da Economia com um desdobramento para o Ministério Emprego e Previdência, extinto Ministério do Trabalho. 

No cenário internacional, a semana começou negativa com bastante pressão em questões inflacionárias, além das preocupações a respeito da variante delta, que segue se alastrando pelos países da Europa, Ásia e nos Estados Unidos, acometendo principalmente população que ainda não foi vacinada.

Carteira Semanal

Em 12 Meses, a Carteira apresenta uma valorização de 55,06% ante o Ibovespa com alta de 20,96%.
Post_Recomendação_30-07.pngNotícias importantes da semana

  • Divulgada a aprovação da LDO de 2022 que conta com fundo eleitoral de R$ 5,7 bilhões, três vezes maior que de 2018.

  • Cenário da reforma tributária continua bastante agitado com pedidos para que a taxação de dividendos seja postergada para 2023. Outro pedido é para que a faixa de isenção seja mantida em R$ 20 mil mensais e não R$ 2,5 mil mensais conforme dito pelo relator.

  •  Em comunicado divulgado pela Polícia Federal, foram apuradas 100 operações de repressão de desvio e utilização indevida de verbas públicas federais destinadas ao combate ao coronavírus.

  • Sputnik V foi comprada por US$ 12 a dose, quando a mesma vacina foi comprada por US$ 10 por governadores do Nordeste, conforme mostra documento

     

  • Governo de São Paulo anunciou campanha de vacinação de uma terceira dose contra a Covid a partir de 17 de janeiro, que seria da Butanvac. O ministro da Saúde Marcelo Queiroga fez duras críticas contra o anúncio.

  • Bolsonaro disse que deve vetar o fundo eleitoral de R$ 5,7 bilhões, além de falar do aumento de 50% do Bolsa Família e relembrar as 5 parcelas de R$ 600 que foram pagas ano passado.

  • ONS divulgou que em todos os meses de 2021 o consumo de energia aumentou comparado com o ano passado. Em junho o aumento foi de 8,1% devido a retomada das empresas do setor industrial.

  •  Senador Ciro Nogueira (PP-PI), um dos líderes do Centrão, vai ocupar a Casa Civil como tentativa de Bolsonaro de se blindar de possível impeachment. Luiz Eduardo Ramos, atual ministro da Casa Civil, seria colocado no lugar de Onyx Lorenzoni na Secretaria-Geral da Presidência.

     

  •  Em diálogos apurados do WhatsApp, Pazuello manifestou interesse em comprar lotes da vacina contra Covid oferecidas pela Davati. Empresa buscava vender 400 milhões de doses da AstraZeneca, mas oferta não se concretizou por pedido de propina do diretor de logística da Saúde Roberto Ferreira Dias.

     

  •  YouTube removeu vídeos de Bolsonaro defendendo uso de cloroquina por divulgação de informações médicas incorretas sobre a Covid-19.

     

  • Braga Netto negou informações publicadas pelo jornal O Estado de São Paulo de que teria feito ameaças a Arthur Lira sobre não haver eleições em 2022 caso voto não fosse impresso.

     

  •  Em sua live semanal de quinta, Bolsonaro voltou a defender o voto impresso, explicando que caso contrário, haverá fraude nas eleições.

Quer receber a Carteira em seu e-mail?

Para receber a carteira semanal e outras carteiras recomendadas em primeira mão, abra sua conta na Terra Investimentos sem nenhum custo. Para saber como funciona a Carteira Semanal, aqui neste link tem mais informações. Se tiver alguma dúvida, é só escrever nos comentários. Conte conosco!

#VamosJuntos

Disclaimer

  • Rentabilidade obtida no passado não representa garantia de resultados futuros.
  • A rentabilidade divulgada não é líquida de impostos.
  • O investimento em ações não é garantido pelo FGC (Fundo Garantidor de Crédito).


Graduado em Estatística pela Unesp (Universidade Estadual Paulista), Régis Chinchila é Analista de Investimentos da Terra desde 2015, sendo responsável por diversas Carteiras Recomendadas (entre elas, a famosa Carteira Semanal de Ações). Atua no mercado financeiro desde 2001 com experiência profissional em consultorias financeiras e corretoras de valores. Possui certificação CNPI desde 2005 pela APIMEC/CVM.

Comentários

Posts Relacionados

Terra Investimentos

Sobre a Terra Investimentos

Com duas décadas de história, a Terra Investimentos conquistou a liderança no mercado agro e expandiu sua atuação no mercado financeiro e de capitais.

Atuamos na intermediação, negociação, originação e distribuição de produtos de renda fixa, renda variável, títulos públicos e privados, fundos de investimentos, derivativos, serviços fiduciários, assessoria de investimento, câmbio, seguros e previdência, HFT (High Frequency Trading), entre outros voltados a pessoas físicas e clientes institucionais.