Blog

Blog >> Como identificar os melhores fundos de investimentos

Como identificar os melhores fundos de investimentos

Com opções para diferentes carteiras e perfis de investidores, os melhores fundos de investimentos podem ser encontrados por meio de análises, estudos e conhecimento.

Procurar os melhores fundos de investimentos do mercado pode parecer uma tarefa difícil para o investidor iniciante. Mas o caminho é facilitado se você focar naqueles que se adequam à sua carteira de investimentos, ao seu perfil de investidor e, claro, que entregam uma boa rentabilidade.

Afinal, os melhores fundos de investimentos são aqueles que conseguem gerar um retorno financeiro aos seus cotistas. Ou seja, que apresentam maior capacidade de multiplicar o patrimônio do fundo e dos cotistas por meio dos investimentos feitos.

Fundos de investimentos para todos os gostos

moedas e gráfico

A indústria de fundos concentra um patrimônio líquido de cerca de R$ 7 trilhões, de acordo com dados da Anbima (Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais). Esse valor está distribuído em mais de uma centena de opções disponíveis no mercado financeiro que formam fundos de investimentos dos mais variados tipos.

Por isso, é preciso ficar atento aos tipos existentes de fundos e suas peculiaridades. Cada fundo tem um nível de risco, investe em determinados tipos de ativos, possui gestores e administradores diferentes, entre vários outros fatores.

A maior parte dos fundos de investimentos pode ser classificada em:

  • Fundos de ações: o patrimônio do fundo é composto majoritariamente por ações da bolsa de valores.
  • Fundos de renda fixa: grande parte do fundo tem sua composição formada por ativos de renda fixa, como Tesouro Direto, CDBs, debêntures, entre outros.
  • ETFs – Fundos de índice: são fundos que têm como objetivo investir em uma carteira de ações que busca replicar a carteira e a rentabilidade de um índice de referência, como Ibovespa ou S&P 500, por exemplo.
  • Fundos multimercados: podem investir em diversos ativos de renda fixa e renda variável, como ações, câmbio, juros, entre outros.
  • Fundos cambiais: os ativos são focados em moedas estrangeiras, como o dólar ou o euro, por exemplo.
  • FIIs – Fundos de Investimentos Imobiliários: são fundos que investem em diferentes ativos do mercado imobiliário.

Os fundos de investimentos proporcionam ao investidor uma forma de diversificar sua carteira de investimentos. Mas como há muitas opções, encontrar os melhores fundos de investimentos demanda uma análise aprofundada de cada ativo.

5 pontos para encontrar os melhores fundos de investimentos

Antes de tomar a decisão de investir em um ativo, você, como investidor, deve estudar muito bem as diferentes características de cada um. Existem vários critérios e fatores que você pode levar em conta para encontrar os melhores fundos de investimentos. Cada pessoa pode fazer seus próprios filtros e, assim, tomar decisões diferentes em relação a um mesmo ativo. Para facilitar, nossa equipe separou 5 aspectos que você deve ficar de olho para encontrar as melhores opções.

1 – Analise o histórico de rentabilidade

Olhar a rentabilidade passada do fundo é importante para analisar como foi o desempenho dele ao longo dos meses ou dos anos. Um bom começo é estudar a rentabilidade dos últimos 12 meses do fundo. Mas é importante que você compare a rentabilidade com diferentes referências, como o Ibovespa, o CDI, a inflação e outros fundos do mesmo tipo. Existem sites que fazem este tipo de comparação e podem ajudar você.

Lembre-se que a rentabilidade passada não é garantia de rentabilidade futura, mas ela pode ser um dos critérios avaliados. E fique atento também para comparar classes iguais. Por exemplo, os melhores fundos de investimentos de ações não terão a mesma rentabilidade dos melhores fundos de renda fixa.

2 – Entenda a estratégia do fundo

Se você já definiu que quer investir em um fundo de renda fixa ou em um fundo de ações, por exemplo, é preciso que você estude a fundo a estratégia adotada pelo fundo. Dentro de uma mesma classe de fundos, como um fundo de ações, há diversas estratégias que podem ser usadas. E é com essas premissas que os gestores e administradores do fundo vão trabalhar com o dinheiro aplicado. Por isso, você deve entender a estratégia do fundo, analisar se ela faz sentido para o seu perfil de investidor e também se ela se encaixa na sua carteira.

3 – Atente-se para as características do fundo

É importante que você analise todas as características do fundo que pretende investir. Assim, você conseguirá encontrar as melhores oportunidades que fazem sentido para você e sua carteira.

Por isso, fique de olho: na classe do fundo de investimentos, no aporte inicial, no prazo de resgate do dinheiro, nos riscos envolvidos, nas taxas e impostos para investir, verifique a liquidez do fundo, entre outros aspectos.

4 – Conheça o gestor e a administradora

Assim como o histórico de rentabilidade, você também deve olhar para o passado da gestora e da administradora do fundo. Verifique quem são os profissionais, que trabalhos já realizaram, como performaram em outros fundos, entre outros pontos. É possível também pesquisar no site da CVM (Comissão de Valores Mobiliários) todas as informações públicas sobre qualquer fundo existente no Brasil.

5 – Analise o índice de Sharpe

Compreender e analisar o índice de Sharpe pode ser um dos caminhos para encontrar os melhores fundos de investimentos. Ele é o mais usado no mercado para este objetivo, pois leva em consideração a rentabilidade passada e também o risco (ou volatilidade) que o fundo tem para conseguir atingir seus resultados.

Assim, quanto maior for o índice de Sharpe, melhor foi a capacidade do gestor do fundo de alcançar um retorno elevado diante do risco assumido. Ou seja, se o índice de Sharpe for positivo e alto, indica-se que mais equilibrada e atraente é a relação risco x retorno do fundo. Por outro lado, se o índice tem um valor baixo significa que houve muitos riscos para obter tal retorno.

Por fim, para avaliar o índice, leve em consideração o período analisado. Quanto mais longo for o período estudado e mais alto o índice de Sharpe, melhor é o fundo.

Ficou com alguma dúvida?

Não se preocupe! Se você precisa de mais esclarecimentos e quiser ajuda para a hora de investir, fale com um profissional especializado da Terra Investimentos.

Caso você precise de ajuda para encontrar os melhores fundos de investimentos, a equipe do Terra Investimento pode te ajudar. Nossa assessoria de investimentos proporciona maior segurança e tranquilidade para o investidor.

Preencha o formulário abaixo para que um especialista entre em contato com você em breve!  



#VamosJuntos

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

Deixe um comentário

homem tocando no gráfico
Blog Terra Investimentos

Posts Relacionados