Blog

Blog >> IR no Tesouro Direto: como preencher a declaração?

IR no Tesouro Direto: como preencher a declaração?

Confira o passo a passo para declarar corretamente o IR no Tesouro Direto e evitar dores de cabeça com o Leão.

Devido a sua acessibilidade, o Tesouro Direto é a porta de entrada de muitas pessoas no mundo dos investimentos. Porém, se você investe nesses títulos, saiba que precisa declarar a aplicação e os respectivos rendimentos na prestação de contas anual ao Leão.

Continue a leitura, e entenda como funciona a tributação nos títulos públicos e de que forma você deve preencher a declaração de IR.

Como funciona o IR no Tesouro Direto

Como funciona o IR no Tesouro Direto

O Imposto de Renda no Tesouro Direto obedece a tabela regressiva, a mesma utilizada para outras modalidades de renda fixa. Isso significa que, quanto mais longo for o prazo do título, menos imposto você pagará sobre os rendimentos.

Confira os prazos e alíquotas da tabela regressiva do Imposto de Renda:

Prazo Alíquota IR
Até 180 dias 22,5%
De 181 a 360 dias 20%
De 361 a 720 dias 17,5%
Acima de 720 dias 15%

O Imposto de Renda no Tesouro Direto só incide quando você resgata o título. Dessa forma, se o seu título for de longo prazo e você resgatá-lo antes do vencimento, pagará o imposto de acordo com o prazo da aplicação. Outro ponto importante é prestar atenção nos títulos que pagam juros semestrais. Nesse caso, o IR incide sobre esses rendimentos a cada pagamento dos rendimentos.

Mas essas informações são somente para o seu conhecimento. Isso porque o Imposto de Renda no Tesouro Direto tem retenção na fonte. Ou seja, você recebe o valor líquido do tributo na sua conta corrente, e não precisará se preocupar com o recolhimento do tributo.

Como declarar os investimentos no Tesouro Direto no Imposto de Renda

Para preencher a declaração, você precisará ter em mãos o informe de rendimentos que a sua instituição financeira disponibiliza todos os anos.

De posse desse documento, você acessará o programa da Receita Federal para cumprir as seguintes etapas:

Declaração do saldo

– Acesse a ficha “Bens e Direitos”.

– Clique no grupo “04 – Aplicações e Investimentos”

– Em seguida, clique no código “02 – Títulos públicos e privados sujeitos à tributação”.

– Depois, clique em “novo” para informar o valor do investimento.

Declaração dos rendimentos

– Acesse a ficha “Rendimentos Sujeitos à Tributação Exclusiva/Definitiva”.

– Clique no grupo “06 – Rendimentos de aplicações financeiras”.

– No campo “Beneficiário”, você precisará informar se os rendimentos foram auferidos pelo titular ou por dependente.

– Logo após, informe o CNPJ e nome da fonte pagadora e o valor do rendimento líquido do título no período.

– Se você tiver títulos do Tesouro em mais de uma corretora, precisará repetir o processo para cada uma delas.

Leia também:

Imposto de renda de CDB: como é a tributação e o cálculo de IR sobre este ativo

Como declarar ações no imposto de renda

 

É preciso declarar investimentos no Imposto de Renda mesmo se tiveram rentabilidade negativa?

Se você estiver no grupo de contribuintes que devem fazer a declaração de IR, precisará informar todo o seu patrimônio. Isso inclui todos os seus bens, inclusive investimentos no exterior ou com os quais você não tenha tido ganhos, por exemplo.

Para relembrar, os contribuintes obrigados a entregar a declaração de ajuste anual são os que se enquadram em, ao menos, uma das situações abaixo:

– Receberam mais do que R$ 28.559,70.

– Obtiveram rendimentos não tributáveis, tributáveis na fonte ou isentos acima de R$ 40 mil.

– Auferiram lucro na venda de patrimônio (bens ou direitos).

– Tiveram patrimônio avaliado em mais de R$ 300 mil.

– Fizeram algum tipo de operação na bolsa de valores (compra e venda de ações, fundos imobiliários ou derivativos, por exemplo) ou com criptoativos.

Por lei, existem alguns investimentos que são isentos de Imposto de Renda. No entanto, mesmo nesses casos, eles precisam constar na sua declaração de ajuste anual. Caso contrário, você pode cair na malha fina por omissão de rendimentos

Para auxiliar no preenchimento do seu ajuste anual de Imposto de Renda, a Terra Investimentos preparou o Manual do IR para Investidores. Clique no link abaixo e acesse gratuitamente o conteúdo feito por nossos especialistas!

Manual do IR

Tem dúvidas e precisa de ajuda?

É só enviar seus dados no formulário a seguir e um especialista de nossa equipe entrará em contato com você para esclarecer todas as suas dúvidas!


#VamosJuntos

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

Deixe um comentário

Blog Terra Investimentos

Posts Relacionados